Dicas para cultivar orquídeas em apartamento!

Aqui no Blog das Plantas já fizemos um artigo explicando como escolher o melhor local para orquídea, e nele nós falamos sobre deixar a planta dentro ou fora da casa. Ao pesquisar sobre o tema, nós encontramos muitas dúvidas sobre como cultivar orquídeas em apartamentos, então este vai ser o tema deste artigo.

Como cuidar de orquídea em apartamento?

Será que existe diferença entre cultivar orquídeas dentro da casa e dentro do apartamento? A resposta é depende, visto que o ambiente externo ao redor de cada apartamento pode variar bastante! Portanto, para cultivar qualquer planta em ambientes fechados, você vai precisar de um pouco mais de atenção e cuidado.

Como não é todo mundo que tem um quintal ou um jardim para colocar a sua orquídea, muita gente deixa de ter a planta, mas saiba que você não precisa desistir, porque é totalmente possível cuidar da orquídea em um apartamento.

Cuidados com orquídeas em apartamento

Veja como cultivar orquídeas em apartamento.

Orquídeas: Luz solar

Há um aumento incrível de pessoas interessada por orquídeas, e é justamente por isso que hoje existem tantas dicas para te ajudar a cuidar e até replantar orquídea em locais fechados. Você basicamente vai precisar escolher um local que ofereça boa luz e vento.

Porém, não pode ser um local que bata muito sol e nem tenha ventos fortíssimos, ou seja, tudo deve ser bem controlado! As orquídeas em apartamento vão se desenvolver naturalmente se o local escolhido oferecer uma boa incidência de sol, mas não pode ser por muito tempo.

O preferencial é que seja uma luz indireta do sol, visto que o excesso de sol pode queimar as folhas da planta, causando uma desidratação da orquídea. Entenda que se essa situação permanecer por muito tempo, a planta certamente irá morrer.

Se o único local disponível bate muito sol, você deve usar alguns recursos para reduzir a intensidade da luz solar que chega até a orquídea. Dentre a opções no mercado você pode escolher entre vidro com filtros de luz, policarbonato, telas próprias para as plantas ou até mesmo treliças.

Orquídeas: Ventilação

Quando for resolver o problema do excesso de luz cuidado para não afetar a ventilação do local, porque isso certamente vai afetar o crescimento da planta. O local arejado é outra condição indispensável para o desenvolvimento da orquídea.

Não adianta deixar o apartamento fechado o dia todo, senão o ambiente vai ficar parecido com uma estufa. Em contrapartida, você não deve deixar a planta em um local que tenha fortes ventos, então você deve ter atenção redobrada nestes dois quesitos!

Orquidário

A nossa sugestão é que você use a sua criatividade para montar um orquidário, que ao contrário do que muitos imaginam pode ser feito sem gastar muito. Com um orquidário você vai oferecer o ambiente perfeito para a sua planta se desenvolver. No final do vídeo vamos deixar uma sugestão de vídeo que mostra como fazer um orquidário caseiro.

Orquídeas: Temperatura

Outro fator importante é a temperatura ambiente. Geralmente a temperatura ideal para as orquídeas é entre 10 e 25 graus celsius. Então, é indispensável que você evite qualquer condição que deixe a planta exposta a temperaturas fora dos valores citados. Assim como você deve evitar que ela fique em locais que bata sol diretamente, você também deve evitar que a orquídea fique próxima do ar condicionado por exemplo.

Se lembra que a gente falou que iria deixar um vídeo de sugestão? Vale a pena assistir para pegar dicas de como construir o seu orquidário caseiro!

Antes de encerrar o nosso artigo vamos deixar uma dica extra que também é muito valiosa. Se você tem mais que uma orquídea, evite colocá-las próximas demais, porque se uma planta estiver com alguma doença, certamente as demais plantas vão ser contaminadas.

Por enquanto é isso! Compartilhe este artigo nos seus grupos de cultivo de flores, e convide outros amigos para acompanhar o Blog das Plantas.